Coisas que eu odeio no Natal

Categorias Uncategorized

Obs.: esta postagem não pretende de forma alguma ofender meus irmãos cristãos nem a imagem de Jesus e sim relatar alguns fatos irritantes que ocorrem nesta data.

Árvore de Natal, presentes e chaminé
A realidade é bem diferente…

Vejamos…

  1. As músicas;
  2. Parentes desaparecidos;
  3. Amigo oculto e afins;
  4. Papai Noel;
  5. Maratona de compras;
  6. Programação da TV;
  7. Data comercial;
  8. Decoração;
  9. Serviços públicos de férias;
  10. Fogos de artifício.

Mas, por que?

As músicas

“Então é natal, e o que você fez? / O ano termina, e nasce outra vez. / Então é natal, a festa Cristã. / Do velho e do novo, do amor como um todo…”
Alguém avisa para os comerciantes que a população brasileira não aguenta mais ouvir essa música, por favor. Pior são aqueles CDs de coletânea de músicas natalinas. Deveria ser considerado herói quem consegue ouvir o álbum inteiro. Argh!

Same shit, every f*cking year.

Parentes desaparecidos

Aquele seu primo de 3º grau resolve aparecer nesta época, junto com a sua tia gorda que vem sempre com aquelas perguntinhas indiscretas do tipo “e os namorados?”. É nessa época também que você sempre ouve um “nossa, como você cresceu!”, sendo que da última vez que resolveram aparecer na sua casa foi quando você tinha 1 ano de idade. Mesmo que você tenha 30 anos esses comentários sempre irão existir, e até ganhar uma nova versão: “e aí, quando vai casar?”. Parentes são parentes em qualquer lugar do mundo. Aproveitando o clima, existem alguns que querem te converter, alegam que se aceitar Jesus “como o salvador”, a vida vai melhorar e coisas do tipo e sempre querem te puxar pra Igreja/religião deles. Honestamente, comemoro o Natal por livre e espontânea pressão. Ter uma família dividida religiosamente pode parecer lindo na teoria mas na prática é conflito na certa, para vocês terem uma ideia, tenho parentes católicos, adventistas, evangélicos, judeus e mórmons, apenas imaginem a loucura.

Amigo oculto e afins

Amigo oculto, secreto, doce, ou qualquer versão que inventarem desse jogo, não tem jeito. Por mais que estipulem uma lista de sugestões e faixa de preço nunca vão te dar o que você quer, sem contar as descrições bizarras que te dão. A falsidade rola solta, no fundo seu colega de trabalho quer mais é que você seja demitido e o familiar nem liga pra você e com certeza irá te ignorar o restante do ano. É só decepção.

Papai Noel

Sim, mesmo eu sendo meio judia o bom velhinho não me polpou. Devo inclusive ter uma foto com ele (espero que eu esteja errada). É com ele que descobrimos que nem sempre nossos pais falam a verdade e o primeiro trauma que nós passamos, deve ser por isso que pessoas como eu resolvem escrever posts revoltados como este. Entendo que a intenção das pessoas que se fantasiam de Papai Noel é boa mas…

Maratona de compras

É uma verdadeira maratona o que temos que passar todo final de ano. É um período que temos que encarar super mercados e shopping centers lotados, filas em todo lugar e ainda por cima aguentar choro de criança e mau humor dos atendentes. Tem que ter presente para meio mundo. Já falei que complicado presentear as pessoas? Pois é.

Programação da TV

Se a TV aberta normalmente é chata, neste período ela piora. Nem a TV à cabo se salva, não sei se isso é um fenômeno mundial mas pelo menos aqui no Brasil é assim. No final do ano que o Roberto Carlos, Xuxa e companhia resolvem aterrorizar as famílias. Cadê as inovações? Os mesmos filmes, mesmos programas infantis musicais… Bleh!

Data comercial e pagã

Não precisa ser um gênio para saber disso, gênio [e marketeiro] mesmo foi quem criou a data. O comércio fatura bilhões anualmente. Ninguém sabe ao certo quando Jesus nasceu. O choro é livre.

Decoração

Se você parar pra pensar, ela não tem nada a ver com o clima do Hemisfério Sul, em dezembro entramos no verão e pinheiro desse tipo nem é nativo do Brasil. A decoração é bonitinha sim é verdade. Mas convenhamos que é um saco ficar gastando dinheiro todo ano com a decoração e ter a paciência pra montar tudo, sem mencionar o “ritual” que existe pra decorar. Ainda bem que em casa nunca tivemos árvore de Natal, tsc, tsc.

Serviços públicos de férias

Nada funciona direito no Brasil e ainda resolvem criar feriado, é pra ferrar com tudo. Acho que não preciso me aprofundar, né?

Fogos de artifício

Quem tem cachorro ou gato em casa sabe, como estes animais tem a audição mais sensível eles sofrem até mais do que nós. Sendo rojões ou bombinhas, não vejo a menor lógica nisso. Você está feliz? Ok, mas vá ser feliz pra lá, há outros meios de expressar tamanha euforia.
É nessas horas que eu passo a pensar na possibilidade de aceitar as oportunidades que surgem pra morar em Israel, me enfiar em um kibutz e ficar por lá mesmo.

Feliz Natal!
(sem sarcasmo)

 

Extra:

Comemorar nascimento com morte

A galera comemora o nascimento de Jesus com um put* peru morto na mesa. O que claramente foi copiado da Ação de Graças dos EUA. Isso quando não é um chester — que é um frango só que com anos de seleção artificial, o pobre animal fica tão gordo que nem consegue andar direito. Saúde eles dizem.

 

19 anos, estudante de Computação Gráfica, apaixonada por fotografias com ruído e músicas antigas. Maquiadora nas horas vagas e blogueira em tempo integral.

6 ideias sobre “Coisas que eu odeio no Natal

  1. E a comida? Você não odeia que as pessoas falem sobre Amor no Natal e sirvam um cadáver na mesa? Eu AMO o Natal, o que odeio é o que o ser humano fez do Natal.

    1. Disse tudo! Quando eu escrevi esse post eu tinha 15 anos, meu lado bisneta de judeus fervorosos tinha super aflorado e eu nem era vegetariana ainda, mas é uma boa adicionar isso. Vou atualizar! Obrigada pela sugestão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *